Recursos naturais nas Relações Internacionais: O precedente do Brasil na Segunda Guerra Mundial

Márcio Schiefler Fontes

Resumo


O ingresso do Brasil na Segunda Grande Guerra foi marcado pela disputa de influência na América do Sul entre a Alemanha hitlerista e os Estados Unidos, com os quase ilimitados recursos naturais brasileiros como ingredientes principais, especialmente borracha, ferro, manganês, algodão, café e açúcar. Sob Vargas desde 1930, o Brasil mostrou-se capaz de equilibrar-se no tabuleiro e dele tirar proveito, a exemplo da Companhia Siderúrgica Nacional.

Texto completo:

PDF


DOI: http://dx.doi.org/10.15175/issn.1984-2503/20157164

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2015 Passagens_teste



Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 

Apoio:

 
 
Indexadores:
 
 
 
Facebook: